Informações sobre Raiz forte

A raiz-forte (Armoracia rusticana) ou rábano-picante (horseradish, em inglês) é um vegetal da família das crucíferas, a mesma da couve-flor, repolho, couve-de-bruxelas e brócolis. Originária da Europa Oriental, é bastante utilizada como condimento na culinária da Alsácia, Escandinávia, Rússia e Alemanha.

Trata-se de uma raiz grossa, de forma cilíndrica, cor amarelada e polpa branca, com sabor bem picante e um aroma pungente. Durante muitos anos foi conhecida como mostarda germânica e usada terapeuticamente, durante as navegações do século XVI, na prevenção do escorbuto, grave doença causada pela deficiência de vitamina C.

O wasabi fresco (Wasabia japonica), usado para acompanhar sushi e sashimi, é originário do Japão e, embora tenha semelhança com a raiz-forte, apresenta um sabor mais delicado. Na forma de pasta ou seco, muitas vezes o wasabi é feito a partir de raiz-forte, mostarda e corante.

Como usar

A raiz-forte pode ser consumida ao natural, ralada ou em lâminas finas, ou adicionada em molhos (o que suaviza o sabor) e servida com carnes, presunto e peixes, especialmente os defumados. Ideal para vinagrete e conservas, pode ser usada para acentuar o sabor de condimento à base de mostarda, para temperar manteiga e aromatizar vinagre ou azeite de oliva.

Uma maneira interessante de usar o condimento é ralar diretamente na preparação já pronta, principalmente em saladas, carnes, peixes defumados e sopas frias.

Como comprar e armazenar

A raiz-forte pode ser encontrada na forma fresca e em pó. No caso da fresca, evite as que se apresentarem secas ao toque e as leves, o que significa perda da seiva e do sabor marcante do tempero.

Pode ser armazenada por várias semanas na geladeira, embalada em saco plástico, próprio para alimentos, ou no congelador. Nesse caso, congele em pedaços pequenos (porção para ser usada uma só vez). Quanto mais tempo for armazenada, menos picante fica a raiz-forte.

Em pó, deve ser armazenada em recipientes secos e bem fechados, guardados em local arejado e longe da luz.

Como preparar

O primeiro passo é raspar a casca da raiz-forte expondo a polpa branca. Se não for tão nova, o melhor é descascar a raiz-forte com um cortador de legumes, eliminando antes os brotos.

Em seguida, corte em lâminas finas e processe de acordo com o uso.